Histórias

Now And Then: o último reencontro dos Beatles.

Sem querer parecer old fashion, sou do tempo em que se esperava ansiosamente pela chegada de discos novos dos meus artistas favoritos nas lojas, onde os Beatles e suas carreiras solo sempre foram prioridade, e são até hoje.

Com o lançamento de Now And Then eu pude reviver um pouco do que era essa expectativa, por ser um lançamento aguardado desde o projeto Anthology.

O anúncio carregado de “suspense” com o mini-documentário, a música e depois o clipe liberados em dias diferentes, foram de encher de emoção os corações de beatlemaníacos mundo afora pelo “reencontro” dos Fab Four pelos 4:36 minutos de duração da música.

São os Beatles de novo colocando um ponto final nos inéditos da banda, e talvez isso justifique toda nossa comoção, independente de como a música foi finalizada, se cortaram um trecho ou outro da versão original, e sobretudo pelas ausências do John e George.

E colocar Love Me Do no outro lado do disco, foi uma ideia simplesmente arrebatadora.

Li muitas críticas, elogios e opiniões sobre “Now And Then” com o devido respeito à todas.

À mim, será mais uma música dos Beatles que ouvirei repetidas vezes com a mesma emoção que me acomete quando ouço o “one, two, three, four” de I Saw Her Standing There.

Renato Moretti Uchida

Renato Moretti Uchida é beatlemaniaco, criador do extinto Octaner’s Blog, especializado em Beatles.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *